O que você procura?

Técnicos do Promaben recebem preparação para execução do Plano Específico de Reassentamento

Alinhar informações, discutir abordagens e preparar os técnicos do Programa de Saneamento da Bacia da Estrada Nova (Promaben) para a execução do Plano Específico de Reassentamento (PER) foi o objetivo da Oficina de Mediação de Conflitos e Preparação de Porta-Vozes realizada durante três dias no auditório do Programa. Técnicos das subcoordenadorias Sociais, Jurídica, Ambiental, Administrativa e de Engenharia receberam orientações e discutiram casos concretos com o objetivo de entender melhor a realidade de cada família a ser atendida pelo Plano.

Para a Assistente Social, Hediana Lisboa, esses eventos ajudam a prestar um serviço melhor à população. “A preparação é importante porque nos ajuda a melhorar a nossa percepção de nós mesmos, de como a gente se porta, de como vamos atender essa população de uma forma que a gente possa ser compreendida. Além disso, nos ajuda também a melhorar como um profissional como um todo”, aponta. “Como profissional a gente se sente valorizado”, ressalta. 

A execução do Plano Específico de Reassentamento vai exigir a atuação conjunta dos técnicos para a chamada e a tratativa com os moradores das áreas das obras do Promaben, são mais de 600 famílias que receberão esse atendimento. Cada técnico em sua expertise vai apresentar ao morador as questões relacionadas ao imóvel e as soluções pré-determinadas pela Prefeitura e estudar caso a caso.

O Engenheiro Civil, Wilkem Gomes, acredita que esse tipo de ação permite que o trabalho em conjunto seja melhor realizado. “Para nós, engenheiros, que não temos a habilidade que os assistentes sociais já treinam desde a graduação, esse tipo de encontro de preparação é muito importante”, afirma. “Como o Promaben é um programa socioambiental é mais do que necessário a transparência para o investimento público, ter o contato com a sociedade, saber se a obra proposta atende a necessidade dele”, reforça.

O Plano Específico de Reassentamento atenderá as famílias que deverão deixar as áreas para onde estão previstas obras de saneamento, readequação viária e infraestrutura.

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Notícias relacionadas: