O que você procura?

Membros das Cofis do Jurunas, Cremação e Condor recebem formação em Educação Ambiental e Sanitária

A Prefeitura de Belém, por meio do Programa de Saneamento da Bacia da Estrada Nova (Promaben), vai capacitar os conselheiros da Cidade e os novos moradores eleitos para as Comissões de Fiscalização de Obras e Serviços (Cofis) dos bairros do Jurunas, Condor e Cremação e formá-los agentes  urbanos de Educação Ambiental e Sanitária.

A capacitação das Cofis e a formação dos novos agentes ocorrem no dia 29 de junho, das 18h às 22h, no Salão da Paróquia de São Judas Tadeu, na Av. Alcindo Cacela, bairro da Condor. Além de refletir sobre o controle social nas políticas públicas e conhecer o Regimento Interno das Cofis, os conselheiros da Cidade, que são membros natos, e os novos integrantes das Cofis participarão de uma capacitação sobre as obras e as ações ambientais e sociais do Programa. Eles também aprenderão sobre educação ambiental e sanitária na formação de agentes multiplicadores ambientais.

A capacitação e formação são voltadas para os integrantes das Cofis da Cremação (obras da Unidade de Referência de Vigilância de Doenças Tropicais Negligenciadas, da Unidade Básica de Saúde e da dragagem do canal de Avenida Generalíssimo); da Condor (Creche, Unidade Básica de Saúde, Conjunto Habitacional e Centro Comercial); e  do Jurunas (Escola Municipal de Ensino Infantil e Fundamental e reforma e ampliação da Unidade Municipal de Saúde).

As obras serão apresentadas aos conselheiros e novos integrantes das Cofis pelo coordenador geral do Promaben, Rodrigo Rodrigues, que é engenheiro sanitarista e ambiental, mestre em Engenharia Civil. O controle social nas políticas públicas, o Regimento Interno das Cofis e o Projeto Social do Promaben serão abordados pelo sociólogo, mestre em Gestão dos Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia, Helber da Silva Borges.

A formação de agentes urbanos de Educação Ambiental e Sanitária será feita pela engenheira Sanitarista, mestra em Hidráulica e Saneamento, Ana Rosa Bezerra Cardoso. Serão abordados temas como o tratamento e abastecimento de água, sistema de coleta e tratamento de esgoto, rede de drenagem urbana, resíduos sólidos e coleta seletiva e noções básicas de meio Ambiente e desenvolvimento sustentável e legislação ambiental (municipal, estadual e federal).

A formação de agentes ambientais é uma atividade prevista no Programa de Educação Ambiental e Sanitária (Peas) do Promaben, que executa obras da Prefeitura de Belém financiadas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Notícias relacionadas: