Prefeitura abre consulta pública sobre Sistema de Esgotamento Sanitário da bacia da Estrada Nova

A Prefeitura de Belém, por meio do Programa de Saneamento da Bacia da Estrada Nova (Promaben), abre oficialmente, nesta segunda-feira, 04 de outubro, a consulta pública para a implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) da Bacia da Estrada Nova. O sistema vai atender 84 mil moradores do bairro do Jurunas e parte dos bairros de Batista Campos, Cidade Velha e Condor.

A consulta pública será realizada pela internet, do dia 4 até às 23h59 do dia 22 de outurbo, por meio do site SES da Bacia da Estrada. Neste site serão disponibilizadas, 24 horas por dia, para consulta da população, todas as informações sobre o SES. O site estará no ar a partir desta segunda-feira, com a apresentação de vídeos institucionais, sobre o processo de consulta e do estudo ambiental.

“Nós contamos com a participação da população para esclarecimentos e, também, para tirar dúvidas. É importante que a população entenda como funcionará o sistema e como funcionará o tratamento, para que a gente consiga mudar a realidade do saneamento na bacia da Estrada Nova e no município de Belém”, conclamou o coordenador-geral do Promaben, Rodrigo Rodrigues.

No dia 14 de outubro, será realizada uma consulta presencial, na Ilha do Combu, no horário de 15h às 17h. No dia 15, da 18h às 21h, além da transmissão ao vivo, que poderá ser assistida de qualquer local, podendo ser feitas perguntas por meio de chats, haverá um ponto de acesso no estacionamento da UCP/Promaben, com telão de transmissão ao vivo, cadeiras, água mineral e microfones, para que a população possa se manifestar na consulta e ter seus questionamentos respondidos de forma instantânea. Na oportunidade será apresentado o Projeto do Sistema de Esgotamento Sanitário, bem como o Relatório de Controle Ambiental.

RCA – Com uma vazão média de 143,26 L/s (Litros por segundo), o SES da Bacia da Estrada Nova terá uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), que será implantada numa área limítrofe ao Canal da Quintino, às margens do Rio Guamá, na Sub-bacia 2.

O SES vai atender a área da Sub-bacia 1 da Bacia da Estrada Nova, incluindo a Orla de Belém; e parte da Sub-bacia 2, na área do Miolo do Jurunas; além da contribuição pontual do Conjunto Habitacional e Centro Comercial, que serão construídos na travessa Quintino Bocaiuva, para realocação de moradores que serão remanejados pelas obras Promaben II.

Todo o esgoto dessa área será tratado antes de ser lançado no rio Guamá por meio de um emissário (tubulação) subaquático com um quilômetro de extensão. Também serão construídas estações elevatórias e redes de esgoto.

“É muito importante a participação de todos. Este é o momento da população entender os benefícios e tirar dúvidas sobre o Sistema de Esgotamento Sanitário da Bacia da Estrada Nova, bem como sobre o estudo ambiental elaborado que subsidiará a concessão da licença ambiental”, destaca o subcoordenador Ambiental do Promaben, Alex Ruffeil.

Texto: Raimundo Sena