O que você procura?

Moradores da Bernardo Sayão recebem equipes do Promaben para selagem das casas

A selagem, ou identificação, das 577 casas que deverão receber a visita da equipe Social do Promaben começou nesta quarta-feira, dia 14 de abril. Este é o primeiro passo dado pelo governo da nossa gente na Prefeitura de Belém para a realização no novo cadastro consolidado das famílias do entorno da obra. As equipes percorrerão quatro trechos distintos até o dia 04 de junho, realizando medições e colando identificações nas fachadas das casas. Serão quatro equipes, compostas por dois engenheiros e um assistente social devidamente identificada para garantir a segurança dos moradores da área.

A recepção dos moradores aos profissionais do Promaben foi calorosa. A comerciante, Maria de Nazaré Nogueira, 50 anos, moradora da Bernardo Sayão, diz que não vê a hora da situação das moradias serem resolvidas. “Estamos há 15 anos esperando essa obra aqui, sempre vem alguém e diz que vai fazer e nunca sai, mas agora eu estou confiante que vai sair”, disse a moradora.

O autônomo Jeferson Pinheiro, de 25 anos, aponta que há 10 anos eles ouvem falar na obra e esperam melhorias no bairro, mas que nunca vêm isso acontecer. “A gente quer seguir a nossa vida, ser indenizado, se tiver que sair daqui, vamos sair. Vivemos essa indefinição há muito tempo”, afirma.

Para a autônoma, Márcia Maia, de 41 anos, é uma grande esperança ver as equipes percorrerem o bairro de novo. “A gente sempre fica sem uma informação correta, outras casas atrás das nossas foram indenizadas e a nossa não. A oficina aqui na frente já caiu porque não poderíamos mexer nela e os últimos engenheiros que vieram aqui, da gestão passada, disseram que não íamos receber porque a oficina já era ruínas”, criticou.

Compartilhe esta notícia:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Notícias relacionadas: